sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Rio de Janeiro e sinais de velhice


 Existem laços de afetividade que ligam uma pessoa a uma cidade. Assim acontece comigo em relação ao Rio de Janeiro que frequento desde criança. É realmente a Cidade Maravilhosa, cantada em prosa e verso.

Doía na alma cada notícia que mostrava os bandidos dominando a cidade e alegrava-me quando via a população reagindo e ocupando os seus espaços.

O carioca da gema é bom de bola e de ginga. Ama ver o Mengão no Maracanã, acha sinixxxtro tudo o que o surpreende, sabe aplaudir o por do sol, joga futvolei, vai atrás de um bloco no carnaval e anda de bike pelas praias.

Esta linda cidade está completando 450 anos. E me deixa muito velha porque eu ainda tenho na lembrança a música dos 400 anos. Pode isto???

Foi Estácio de Sá quem fundou
E São Sebastião abençoou
Rio é quatrocentão
Mas é um broto no meu coração

Eu falo assim porque Rio
Eu conheço você
Com essa idade que o bom Deus lhe deu
Para cantar e para amar
Você está mais broto do que eu

4 comentários:

✿ chica disse...

Que linda homenagem e eu também lembro bem dos 400 anos!! beijos,chica

Alicia disse...

PRECIOSA FOTO !!!
RECUERDO SIEMPRE EL CRISTO DESDE LO ALTO EMOCIONA EL VERLO.
SALUDITOS

Maria Luiza disse...

Liga não, a velhice chega, toma assento e começa o papo, como o carioca! Abraço!

Tina Bau Couto disse...

Pode sim
E tenha orgulho
Vc acompanha a história, faz parte dela, antenada e vibrante
Que assim seja em muitos aniversários