segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012



P A I
Pai nosso de todos os dias,
imagem e semelhança
daquele lá do céu.
Um ser especial,
um companheiro fiel…
Fonte de amor, de esperança e de sabedoria!
Tudo que sabemos e somos,
aprendemos contigo.
Ensinaste-nos dando exemplos, fazendo!
Assim crescemos,
fazendo e aprendendo,
sempre vendo em ti um modelo, um amigo.
De ti, trazemos no sangue e nos nomes,
Verdadeiros símbolos de amor e de carinho,
que se integraram à nossa vida,
fazem parte do nosso ser.

1 ano de muita saudade

7 comentários:

Tina disse...

Lindo seu pai :)
Sorriso, olhar, cabelinhos de algodão.

Me fez lembrar de meu avó, cabelos e coração de algodão doce. São 5 anos de ausência e saudade pro resto da vida.

"Trancar o dedo numa porta dói. Bater com o queixo no chão dói. Torcer o tornozelo dói. Um tapa, um soco, um pontapé, dóem. Dói bater a cabeça na quina da mesa, dói morder a língua, dói cólica, cárie e pedra no rim. Mas o que mais dói é saudade.
Saudade de um irmão que mora longe. Saudade de uma cachoeira da infância. Saudade do gosto de uma fruta que não se encontra mais. Saudade do pai que já morreu. Saudade de um amigo imaginário que nunca existiu. Saudade de uma cidade. Saudade da gente mesmo, quando se tinha mais audácia e menos cabelos brancos. Dóem essas saudades todas.
Mas a saudade mais dolorida é a saudade de quem se ama. Saudade da pele, do cheiro, dos beijos. Saudade da presença, e até da ausência consentida. Você podia ficar na sala e ele no quarto, sem se verem, mas sabiam-se lá. Você podia ir para o aeroporto e ele para o dentista, mas sabiam-se onde. Você podia ficar o dia sem vê-lo, ele o dia sem vê-la, mas sabiam-se amanhã."

Mariana Penna disse...

Ele está em paz, e sempre cuidando de vc.

Um beijo e boa semana!!

Drica disse...

Que sorriso gostoso, menina! Quem não gostaria de ter um pai com um sorriso desses??? Não só pelo sorriso, mas porque seu semblante me passa, mesmo sem tê-lo conhecido a impressão de uma pessoa que foi realmente feliz e que também foi responsável pela felicidade dos que estavam por perto...
Parabéns por seu pai lindo! Ele continua bem perto, querida... te olhando lá do Céu... Pena que dá uma saudadeeeee, não é?

Xero, querida!

Drica.

Regina disse...

Beatriz, já é a segunda vez que eu venho aqui, leio sua postagem, e vou embora sem comentar nada.
Essa sua homenagem, esse seu carinho por seu pai é emocionante, e eu não encontro as palavras certas para escrever aqui.
Deixo aqui meu carinho pra você.

simplesmente....fascinante disse...

Bom dia Beatriz,
O importante é que ficou uma saudade boa, de alguém que fez a diferença. Agora em fevereiro fez dois anos que minha mãe se foi, o tempo é o melhor remédio pra tudo, sua lembrança fica mas a dor já não é a mesma.
Que nossa terça seja cheia de ótimas lembranças.
bjão
Mari

Lucia Luz disse...

Beatriz, essa saudade é eterna, intensa e tão real.
Que olhar bondoso, sereno e alegre.
Viva as boas lembranças.
Beijinho

Lucia

Sonia disse...

um beijinho de coração